Wine Advocate dá 93 pontos ao espumante Vértice Gouveio 2007

Wine Advocate dá 93 pontos ao espumante Vértice Gouveio 2007

Pela primeira vez, Mark Squires, crítico norte-americano e provador oficial da publicação eRobert Parker/Wine Advocate, atribuiu 93 pontos a um espumante português, o Vértice Gouveio 2007 das Caves Transmontanas.

Segundo Mark Squires, é um “espumante para geeks, aqueles que gostam de Champagne mais maduro”. Longe de ser simples e ligeiro, este espumante ganha vida ao primeiro contacto: “é como passear por um jardim vigiado por um pitbull, é ele que manda”, pode ler-se na nota de prova oficial.

Foi em Alijó, nas terras altas do Douro, que Vértice encontrou as condições ideais à produção de espumante, aliando as características do terroir e das castas típicas da região aos métodos de produção clássicos de Champagne. O Vértice Gouveio 2007 é elaborado com o método clássico, a partir de uma seleção de uvas da casta Gouveio, plantadas nas encostas frescas e elevadas do Cima Corgo, sub-região do Douro. Um espumante que, diz o produtor, deve ao tempo a sua complexidade, passando por um estágio em garrafa de 60 meses.